Conheça os semifinalistas do 2º Desafio Sou de Algodão + Casa de Criadores que podem se apresentar no desfile da próxima edição

Postada em: 09/12/2021


O Movimento Sou de Algodão, que visa estimular o consumo da fibra na indústria da moda, e a Casa de Criadores, maior evento de moda autoral brasileira, divulgaram, no final de outubro, os semifinalistas por região do 2º Desafio Sou de Algodão + Casa de Criadores. O resultado com os projetos que passarão para a final, sai no dia 16 de dezembro. 

Ao todo, serão oito projetos, sendo dois de cada uma das regiões Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul, que irão confeccionar suas coleções, com seis looks completos, para a quarta e última fase, em desfile presencial na 50ª edição da Casa de Criadores, em 2022. Os trabalhos serão avaliados por um júri composto por especialistas, que atribuirão notas em quesitos técnicos e de criatividade.

Ao final do desfile, serão anunciados os três primeiros colocados. O segundo e o terceiro lugares receberão prêmios em produtos das tecelagens parceiras do movimento e um programa de orientação profissional, oferecido por apoiadores do concurso. O grande vencedor ganhará o prêmio de R$ 30 mil e entrará para o line-up oficial da Casa de Criadores. Além disso, o professor orientador do aluno vencedor também receberá o valor de R$ 10 mil, como Bolsa Orientação voltada à pesquisa sobre algodão. 

"Esse Desafio é muito importante para estimularmos a criatividade dos estudantes e dar a eles uma chance no mundo da moda. Nossa finalidade é incentivar a nova geração com o uso da fibra na cadeia da moda, mostrando como o algodão é um material versátil, moderno e arrojado", comenta Júlio Cézar Busato, presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa).

O estilista Mateus Cardoso, falou sobre o poder transformador do Desafio na carreira de novos talentos. A partir da experiência própria, ele conta que conseguiu conciliar seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), da faculdade Santa Marcelina (SP), com o projeto do Desafio. Ganhou a atenção da mídia especializada e, atualmente, tem o próprio ateliê em São Paulo, tornando-se um nome emergente na moda.

Confira a lista dos semifinalistas completa neste link

49ª Casa de Criadores

 O Movimento Sou de Algodão já tem participação garantida em mais uma edição da Casa de Criadores, maior evento de moda autoral brasileira, desta vez em formato híbrido. Os desfiles acontecerão nos dias 9 e 10 de dezembro, sendo que o primeiro dia será totalmente digital, e o segundo terá, além da exibição de fashion films de estilistas do line-up, a apresentação presencial dos trabalhos de Rober Dognani e Ellias Kaleb, no Teatro Mars, em São Paulo. Ao longo da programação do evento, o público poderá conhecer os trabalhos dos semifinalistas de cada região, classificados no 2º Desafio Sou de Algodão + Casa de Criadores.

"A parceria com Sou de Algodão faz com que o evento seja um lugar de protagonismo para muitos profissionais que nunca tiveram voz na moda, no mercado, e, principalmente, em outros espaços. Os estilistas parceiros e os novos nomes que serão revelados em dezembro, por meio do 2º Desafio, querem ser reconhecidos e mostrar que o algodão pode ser uma matéria prima capaz de concretizar a criatividade, compondo looks que vestem a diversidade da moda autoral brasileira", diz André Hidalgo, diretor da Casa de Criadores.

Próximas datas-chave do 2º Desafio Movimento Sou de Algodão + Casa de Criadores 

- Divulgação dos trabalhos finalistas: 16/12/2021

- Desfile presencial finalistas: primeiro semestre de 2022

 

Sobre Sou de Algodão

É um movimento único no Brasil que nasceu em 2016 para despertar uma consciência coletiva em torno da moda e do consumo responsável. Para isso, a iniciativa une e valoriza os profissionais da cadeia do algodão, dialogando com o consumidor final com ações, conteúdo e parcerias com marcas e empresas. Outro propósito é informar e democratizar o Algodão Brasileiro Responsável (ABR), que segue rigorosos critérios ambientais, sociais e econômicos. Na última safra, o Brasil foi responsável por 81% do algodão responsável certificado no mundo.