Boletim de Inteligência de Mercado Abrapa com as principais notícias do mundo do algodão

Postada em: 16/04/2021


- Algodão em NY - Redução dos estoques americanos, continuidade da seca no Texas e bons dados econômicos deram o tom esta semana.  O contrato Jul/21 fechou em 86,26 U$c/lp, alta de 4,4% nos últimos 7 dias.

- Preços - O preço do algodão brasileiro Middling 1-1/8” (31-3-36) posto Ásia está cotado a 92,75 U$c/lp (+500 pts na semana) para embarque em Abr-Mai/21 e 92,75 U$c/lp (+275 pts) para embarque em Out-Nov/21.

- Altistas 1 - O forte ritmo de exportações dos principais exportadores, EUA e Brasil.  O USDA aumentou na semana passada sua previsão de exportações para 15,75 milhões de fardos (3,43 milhões de tons), com alguns analistas prevendo mais de 16 milhões de fardos. Assim, os estoques finais dos EUA devem cair para 3,90 milhões de fardos nesta safra.

- Altistas 2 - As exportações do Brasil caminham para mais um recorde esta safra.  Segundo previsões da ANEA, deve superar 2,3 milhões de toneladas esta temporada (Ago/20 a Jul/21), 18,4% a mais que 2019/20.

- Altistas 3 - A economia chinesa segue surpreendendo positivamente.  O governo local divulgou hoje que o PIB chinês do primeiro trimestre deste ano cresceu 18,3%, maior alta trimestral da série histórica.

- Baixistas 1 - Segundo o relatório de vendas de exportações dos EUA divulgado ontem, as vendas semanais caíram para 122 mil fardos, contra 270 mil fardos vendidos na semana anterior. Além disso, a China não estava na relação dos principais compradores, o que despertou especulações.

- China - Apesar da enorme expectativa entre as indústrias por novas cotas de importação de algodão, esta semana não tivemos novidades.

- China 2 - Falando no webinar da Ampa esta semana, o trader Thomas Reinhart destacou que mesmo com as incertezas geradas pela relação com os EUA, a indústria na China segue aquecida e o país mantém necessidade de importar cerca de 2 milhões tons de algodão para suprir seu parque industrial.

- Cotton Brazil - O Brasil deve intensificar a ação internacional de marketing via Abrapa/Cotton Brazil no mercado asiático. Segundo o trader Bill Ballenden, que também palestrou no webinar da Ampa esta semana, as ações do Brasil na Ásia estão sendo positivas para a valorização da pluma Brasileira.

- Plantio - O plantio segue em diferentes ritmos no hemisfério Norte. Enquanto se acelera em Xinjiang-China, nos EUA o plantio está em 8% da área total, um aumento de 2% na semana.  Dentre os grandes produtores, Índia e Paquistão também estão no período de plantio.

- Índia - A Índia se tornou o epicentro de Covid-19 nos últimos dias.  O número de novos casos bate recordes a cada dia e seus efeitos na indústria têxtil e no plantio da safra ainda não podem ser mensurados.  

- Bangladesh - O governo local decretou lockdown de uma semana devido ao aumento de casos de Covid-19.  As indústrias no segundo maior importador de algodão do mundo, entretanto, permanecem abertas.

- Ramadan - Esta semana começou o Ramadan, mês sagrado dos muçulmanos.  Durante 30 dias, os muçulmanos não devem ingerir bebidas (nem água) nem alimentos entre a alvorada e o pôr do sol.  Dos seis maiores importadores de algodão do mundo, quatro (Bangladesh, Indonésia, Turquia e Paquistão) são países muçulmanos.

- Exportações - O Ministério da Economia divulgou que o Brasil exportou 55,8 mil toneladas de algodão na primeira semana de abril. O recorde para o mês de abril, 90,5 mil toneladas, deve ser facilmente superado neste ritmo.

- Preços - Consulte tabela abaixo 
WhatsApp Image 2021-04-16 at 10.16.40.jpeg