Aberta a temporada de adesão à certificação ABR e ao programa SBRHVI

Postada em: 22/03/2021


Está aberta a temporada de adesão ao programa Algodão Brasileiro Responsável (ABR), que certifica o compromisso das unidades produtivas com a sustentabilidade. A partir da safra 2020-2021, todo produtor que adere ao ABR se associa, automaticamente, ao Standard Brasil HVI (SBRHVI).

 

Com a vinculação dos dois programas, a Associação Brasileira dos Produtores de Algodão une sustentabilidade à qualidade. A iniciativa proporciona maior praticidade aos produtores e maior confiabilidade à fibra brasileira, ao dar transparência aos dados de HVI.

 

A adesão ao ABR continua sendo necessária a cada safra, mas a adesão ao SBRHVI passa a ser por prazo indeterminado. O produtor pode optar pelo programa de qualidade (SBRHVI) sem aderir ao de sustentabilidade (ABR), mas não o inverso.

  

Consolidado no país, o programa Algodão Responsável Brasileiro (ABR) é uma certificação que atesta boas práticas nas fazendas, considerando três pilares: social, ambiental e econômico. O protocolo abrange os principais requisitos da legislação brasileira. São 178 itens, desde segurança e bem-estar do trabalhador até boas práticas agrícolas. 

 

O Standard Brasil HVI (SBRHVI), por sua vez, tem como objetivo garantir o resultado de origem e, assim, dar credibilidade e transparência às análises de HVI realizadas pelos laboratórios de classificação instrumental que operam no Brasil. Isso é feito a partir de três pilares e o primeiro deles é o Centro Brasileiro de Referência em Análise de Algodão (CBRA), um laboratório central, localizado em Brasília, que faz a checagem dos resultados das análises. Um Banco de Dados da Qualidade do Algodão Brasileiro e a orientação permanente aos laboratórios participantes completam o programa.