Boletim de Inteligência de Mercado Abrapa com as principais notícias do mundo do algodão

Postada em: 24/07/2020


Algodão em NY - Os contratos futuros de algodão em NY fecharam os últimos sete dias com pequena baixa.  O contrato dez/20 encerrou a última semana a 61,92 centavos de dólar por libra-peso (c/lp), perdendo 62 pontos, ou 1% no período.

 

Altistas - O clima nos EUA continua dando suporte aos altistas.  Apesar das notícias que chuvas ainda ocorrem no Oeste do Texas nesta semana, aliviando o stress hídrico e a onda de calor no estado americano, estas têm sido irregulares. Além disso, ainda são incertos os impactos que a tempestade tropical Hannah, que deve atingir a costa do Texas neste final de semana, podem trazer.

 

Altistas 2 - Os líderes da União Europeia (UE) chegaram ao acordo de suporte à economia do bloco. O montante de 750 bilhões de euros será dividido entre 390 bilhões de doações (o que não afeta dívida de países já endividados) e 360 bilhões de euros em empréstimos a juros baixos. A UE e o Reino Unido são o maior mercado de produtos têxteis e de confecção do mundo, com 21% do consumo final global.

 

Baixistas- Os mercados estão em baixa nesta sexta-feira, com a piora nas relações EUA-China.  Em resposta à ordem de fechamento do consulado chinês em Houston no início desta semana, dada pelo governo americano, a China ordenou o fechamento de um consulado do rival em Chengdu.  O mercado de algodão pode estar lendo nas entrelinhas da geopolítica e esperando outras ações negativas, como o cancelamento de compras de algodão americano.

 

Baixistas 2- Pela segunda semana consecutiva, o USDA divulgou em seu relatório de vendas e exportações semanais de algodão, números de vendas negativas da safra 19/20 e muito baixos para safra nova. Ainda assim, as vendas acumuladas atingiram 119%, enquanto já foram exportados 94% do total de 15,2 milhões de fardos (3,3 milhões de toneladas), previstos pelo USDA para 2019/2020.

 

Turquia - A área plantada de algodão na Turquia deve cair em torno de 30% na safra 20/21, para 400 mil hectares, segundo o USDA.  Esta redução é uma oportunidade para aumentar as exportações de algodão brasileiro para o 4º maior produtor de algodão do mundo.

 

Paquistão – De acordo com a consultoria Rose Commodities, houve importante aumento recente nas compras de algodão por fiações do Paquistão.  O país é o 5º maior importador da fibra do mundo, com expectativa de importar em torno de 850 mil toneladas em 2020/2021.

 

Índia - A empresa estatal Indiana CCI (Cotton Corporation of India) vendeu cerca de 120 mil toneladas de algodão na terça-feira, sua maior venda em um único dia em cinco anos.  A empresa adquiriu em torno de 1,8 milhões de toneladas de algodão Indiano da safra 2019/2020 e, até o momento, comercializou menos de 10% deste total.  O ponto negativo é que os preços negociados foram equivalentes a 200 off Z0 CIF China para algodão Middling 36 G5.

 

Lavouras - O relatório do USDA de 20 de julho indicou que 73% das áreas já estão com algodão emergido, abaixo da média de cinco anos, de 75%. O índice de formação de maçãs é de 27%; 32% abaixo da média de cinco anos.  Para surpresa de muitos, o nível de lavouras regulares, boas e excelentes (R+B+E) subiu, de 74% para 78%, graças à melhoria nos índices de R+B+E do Texas, de 59% para 66% na última semana.

 

Colheita Brasil - A Abrapa informou o progresso da colheita da safra 2019/2020 de algodão no Brasil até ontem: Mato Grosso = 26%; Bahia: 29%; Goiás: 51%; Minas Gerais: 47%; Mato Grosso do Sul: 72%; Maranhão: 35%; Piauí: 58%; São Paulo: 95%; Tocantins: 29% e Paraná: 99%. Média Brasil = 30% colhidos, ótimo avanço de 12pp na semana.

 

Exportações brasileiras - De acordo com dados do Secex, exportações brasileiras de algodão totalizaram 17,6 mil toneladas, na terceira semana de julho.  O total exportado nas três primeiras semanas de julho de 2020 foi de 44,9 mil toneladas.

 

Exportações brasileiras 2 - Faltando ainda duas semanas para o final do mês, o número é animador para o início da exportação do algodão desta safra.  O recorde para o mês de julho foi 47 mil toneladas, em 2019.

 

Preços - A tabela abaixo mostra os últimos movimentos de preços, índices e câmbio que impactam o mercado de algodão.

24.07 tabela.jpeg