Boletim de Inteligência de Mercado Abrapa com as principais notícias do mundo do algodão

Postada em: 05/06/2020


📊 Algodão em NY - Os futuros de NY estão em mais uma semana de alta. Fatores como baixas taxas de juros, abundância de liquidez nos mercados, dólar mais fraco e reaberturas econômicas nas principais economias do ocidente têm se sobressaído em relação aos fundamentos baixistas.  O contrato dez/20 fechou a última semana (até ontem) com alta de 3,6%, a 59,58 centavos de dólar por libra-peso (c/lp).

 

🐂 Altistas- Entre as notícias altistas desta semana, estão a redução do desemprego nos EUA, em maio, e estímulos monetários por parte do Banco Central Europeu (BCE). Com relação ao algodão, notícias de problemas climáticos na safra americana, como clima seco em partes do Texas (maior produtor), tendem a confirmar uma redução de área no relatório “Acreage Report”, que será divulgado no final do mês pelo USDA.

 

🐻 Baixistas- No último capítulo da novela entre Washington e Pequim, a China pediu a suas empresas estatais que suspendam compras de produtos agrícolas dos Estados Unidos, após o governo norte-americano ter afirmado que iria eliminar o tratamento especial dos EUA a Hong Kong. No relatório de vendas externas semanais de algodão dos EUA, divulgado nesta quinta-feira, as vendas foram negativas, sem compras Chinesas de algodão da safra atual.

 

🇮🇳 Índia - Enquanto produtores iniciam o plantio de algodão da safra 20/21, o Governo da Índia, maior produtor mundial de algodão, anunciou esta semana aumento no preço mínimo (MSP) pago aos produtores do país.  O aumento foi de 5% para em torno de 83,4 c/lp CIF Ásia.  Este nível de subsídio causa distorções tanto internas quanto no mercado internacional.

 

🦗 Gafanhotos - A Índia e o Paquistão, quinto maior produtor mundial, estão enfrentando uma séria praga de gafanhotos que ameaça suas lavouras, incluindo as de algodão.  As nuvens de gafanhotos têm atingido até mesmo as áreas urbanas em algumas províncias, destruindo parques e a arborização das vias. Trata-se, até o momento, da crise mais grave dessa natureza desde 1993, segundo o governo do Paquistão.

 

🇵🇰 Paquistão. O governo local negociou com a FAO um repasse de US$ 500 milhões para mitigar os efeitos da infestação sobre a renda dos agricultores. Estima-se que cerca de 1,8 milhão de pessoas trabalhem apenas nas lavouras de algodão em Punjabi. Além da indústria têxtil, o algodão tem importância para a segurança alimentar do país: o óleo de algodão responde por quase 20% do consumo de óleo comestível no Paquistão.

 

👕♻ Sustentabilidade - Hoje, 5 de junho é o Dia Mundial do Meio Ambiente.  Ótima oportunidade para lembrar que 1/3 do algodão certificado produzido no mundo é brasileiro, pois mais de 80% da produção nacional têm certificação de sustentabilidade.

 

🏭 Microplásticos – Além disso, o algodão é natural e não polui.   Partículas invisíveis oriundas de roupas sintéticas representam mais de 35% dos microplásticos que poluem os oceanos, afetando os ecossistemas e a saúde humana, segundo a OCDE.

 

🇺🇸 Plantio - O USDA divulgou esta semana mais um relatório sobre o progresso do plantio da safra 2020.  Segundo o relatório, o plantio da safra de algodão de 2020 atingiu 66% plantada até 31/maio.  Este número está em linha com o do ano passado e com a média dos últimos cinco anos.

 

🇧🇷 Colheita - A previsão para início da colheita nas primeiras áreas da Bahia é a partir de 10 de junho, assim como em Goiás, Minas Gerais, e no restante do Mato Grosso do Sul.  As primeiras lavouras de algodão de Mato Grosso começam a ser colhidas na segunda quinzena de junho.  São Paulo alcança 61% da área total colhida e o Paraná, 80%.

 

🚢 🇧🇷 Exportações - O Brasil exportou 69,6 mil toneladas de algodão em pluma no mês de maio/20.  Com isso, o volume total exportado neste ano comercial (Ago-Jul) já supera 1,8 milhões de toneladas.

 

📉📈 Preços - A tabela abaixo mostra os últimos movimentos de

preços, índices e câmbio que impactam o mercado de algodão.

📊 Algodão em NY - Os futuros de NY estão em mais uma semana de alta. Fatores como baixas taxas de juros, abundância de liquidez nos mercados, dólar mais fraco e reaberturas econômicas nas principais economias do ocidente têm se sobressaído em relação aos fundamentos baixistas.  O contrato dez/20 fechou a última semana (até ontem) com alta de 3,6%, a 59,58 centavos de dólar por libra-peso (c/lp).

 

🐂 Altistas- Entre as notícias altistas desta semana, estão a redução do desemprego nos EUA, em maio, e estímulos monetários por parte do Banco Central Europeu (BCE). Com relação ao algodão, notícias de problemas climáticos na safra americana, como clima seco em partes do Texas (maior produtor), tendem a confirmar uma redução de área no relatório “Acreage Report”, que será divulgado no final do mês pelo USDA.

 

🐻 Baixistas- No último capítulo da novela entre Washington e Pequim, a China pediu a suas empresas estatais que suspendam compras de produtos agrícolas dos Estados Unidos, após o governo norte-americano ter afirmado que iria eliminar o tratamento especial dos EUA a Hong Kong. No relatório de vendas externas semanais de algodão dos EUA, divulgado nesta quinta-feira, as vendas foram negativas, sem compras Chinesas de algodão da safra atual.

 

🇮🇳 Índia - Enquanto produtores iniciam o plantio de algodão da safra 20/21, o Governo da Índia, maior produtor mundial de algodão, anunciou esta semana aumento no preço mínimo (MSP) pago aos produtores do país.  O aumento foi de 5% para em torno de 83,4 c/lp CIF Ásia.  Este nível de subsídio causa distorções tanto internas quanto no mercado internacional.

 

🦗 Gafanhotos - A Índia e o Paquistão, quinto maior produtor mundial, estão enfrentando uma séria praga de gafanhotos que ameaça suas lavouras, incluindo as de algodão.  As nuvens de gafanhotos têm atingido até mesmo as áreas urbanas em algumas províncias, destruindo parques e a arborização das vias. Trata-se, até o momento, da crise mais grave dessa natureza desde 1993, segundo o governo do Paquistão.

 

🇵🇰 Paquistão. O governo local negociou com a FAO um repasse de US$ 500 milhões para mitigar os efeitos da infestação sobre a renda dos agricultores. Estima-se que cerca de 1,8 milhão de pessoas trabalhem apenas nas lavouras de algodão em Punjabi. Além da indústria têxtil, o algodão tem importância para a segurança alimentar do país: o óleo de algodão responde por quase 20% do consumo de óleo comestível no Paquistão.

 

👕♻ Sustentabilidade - Hoje, 5 de junho é o Dia Mundial do Meio Ambiente.  Ótima oportunidade para lembrar que 1/3 do algodão certificado produzido no mundo é brasileiro, pois mais de 80% da produção nacional têm certificação de sustentabilidade.

 

🏭 Microplásticos – Além disso, o algodão é natural e não polui.   Partículas invisíveis oriundas de roupas sintéticas representam mais de 35% dos microplásticos que poluem os oceanos, afetando os ecossistemas e a saúde humana, segundo a OCDE.

 

🇺🇸 Plantio - O USDA divulgou esta semana mais um relatório sobre o progresso do plantio da safra 2020.  Segundo o relatório, o plantio da safra de algodão de 2020 atingiu 66% plantada até 31/maio.  Este número está em linha com o do ano passado e com a média dos últimos cinco anos.

 

🇧🇷 Colheita - A previsão para início da colheita nas primeiras áreas da Bahia é a partir de 10 de junho, assim como em Goiás, Minas Gerais, e no restante do Mato Grosso do Sul.  As primeiras lavouras de algodão de Mato Grosso começam a ser colhidas na segunda quinzena de junho.  São Paulo alcança 61% da área total colhida e o Paraná, 80%.

 

🚢 🇧🇷 Exportações - O Brasil exportou 69,6 mil toneladas de algodão em pluma no mês de maio/20.  Com isso, o volume total exportado neste ano comercial (Ago-Jul) já supera 1,8 milhões de toneladas.

 

📉📈 Preços - A tabela abaixo mostra os últimos movimentos de preços, índices e câmbio que impactam o mercado de algodão.