Painel no fórum do agronegócio discute integração logística

Postada em: 27/07/2022


Os desafios globais enfrentados no desenvolvimento do agronegócio e soluções sustentáveis para a cadeia agrícola foram os temas em debate no Global Agribusiness Fórum 2022, em São Paulo, nos dias 25 e 26. O tema principal desta edição foi "Segurança Alimentar, Mudanças Climáticas e Sustentabilidade". O presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa), Júlio Cézar Busato, participou do evento como moderador do painel "Integração Logística e Outras Iniciativas Relevantes.

Empresários, pesquisadores e membros da sociedade do agronegócio do Brasil e do mundo acompanharam as discussões sobre as mudanças para a integração logística na cadeia produtiva que ocorreram com a globalização. Sob essa perspectiva, os palestrantes abordaram as iniciativas usadas para melhorar o desempenho do comércio internacional a partir da infraestrutura.


Agro se reúne com Jair Bolsonaro e ministros

Paralelamente ao Fórum, Busato e lideranças do agronegócio se reuniram com o presidente Jair Bolsonaro, os Ministros da Economia, Paulo Guedes, da Agricultura, Marcos Montes, do Meio Ambiente, Joaquim Leite, ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira, entre outras autoridades.

Na oportunidade, o presidente da Abrapa destacou a importância de o governo federal manter ações de melhorias na infraestrutura do País para o transporte da produção entre os portos ou seu escoamento aos destinos até a indústria, desse modo, o setor ganhará em competitividade. A meta da Abrapa é colocar o Brasil no topo do ranking mundial de exportação de algodão até 2030 e isso requer a continuidade do trabalho da Abrapa, conjuntamente com as associadas, os produtores e demais parceiros, como ApexBrasil, Anea, Ministério da Agricultura e Ministério do Meio Ambiente, além do auxílio das Embaixadas, por meio do MRE – Ministério das Relações Exteriores.

O ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, elogiou a parceria da Abrapa no Floresta + Agro, assim como o ministro da Agricultura, Marcos Montes, ressaltou o papel da associação no trabalho com o setor para impulsionar o desenvolvimento. Busato agradeceu o governo e fez menção especial aos ministros Marcos Montes e Joaquim Leite pelo apoio ao setor.


Imagem3.png


O GAF, que ocorre duas vezes por ano, é uma iniciativa conjunta em conjunto da Sociedade Rural Brasileira (SRB), Associação dos Produtores de Milho do Brasil (Abramilho), Aliança Internacional do Milho (Maizall), Associação dos Criadores de Gado Zebu (ABCZ), Associação Brasileira dos Produtores Exportadores de Frutas e Derivados (Abrafrutas), o Fórum Nacional Sucroenergético, União Nacional do Etanol de Milho (Unem) Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) e a Datagro, consultoria agrícola no Brasil.